sábado, junho 22, 2024
Política Local

Wilson Lima torna programa de escolas cívico-militares permanente no Amazonas

O governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil), assinou, nesta terça-feira (27), o decreto que institui o Programa das Escolas Cívicos-Militares (PECIM) no Estado. A efetivação do PECIM como política educacional permanente foi articulada pela deputada estadual Débora Menezes (PL), entusiasta dessa modalidade de educação, que é baseada em valores éticos e morais.

“Meu recado é para os pais, mães e alunos das escolas cívico-militares. Havia uma preocupação sobre esse sistema, se ele iria continuar ou não. Por intervenção da deputada Débora Menezes assinamos o decreto. Agora é mãos à obra”, disse Wilson Lima em vídeo postado nas redes sociais.

Atualmente, sete escolas no Amazonas, sendo seis em Manaus e uma em Tabatinga, são contempladas com esse modelo. Lançado em 2019 durante a gestão do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), o PECIM obteve resultados positivos no estado, contribuindo para redução da evasão escolar e o aumento do desempenho dos estudantes.

No entanto, o programa deixou de ser assistido pelo Governo Federal na gestão do presidente Lula (PT), por meio de uma portaria do Ministério da Educação que encerrou o PECIM em todo o território nacional.

Segundo Débora Menezes, agora que o PECIM se tornou uma realidade, o objetivo será expandir o programa para mais regiões do Amazonas.

“Esse é um programa muito exitoso e agora se torna realidade aqui no Estado de uma forma permanente. Vamos continuar trabalhando para não só manter o programa como para expandi-lo”, disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *