domingo, junho 23, 2024
Política Nacional

Bolsonaro diz que voltará ao Brasil ‘nas próximas semanas’: ‘Missão não acabou’

Durante um evento na igreja evangélica Church of All Nations neste sábado, 12, na Flórida, o ex-presidente do Brasil Jair Bolsonaro anunciou que voltará ao país nas próximas semanas, sem informar uma data específica. Bolsonaro viajou aos Estados Unidos no dia 31 de dezembro. Em seu discurso, o ex-presidente disse que sua missão no país ainda não terminou e criticou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). “É uma satisfação muito grande a forma como vocês têm me tratado ao redor desse globo. Isso não tem preço. Ainda mais para quem, pelo menos diante do TSE, não conseguiu ser reeleito. Dizem que todos nós temos uma missão aqui na Terra. A minha missão ainda não acabou. Não interessa o que venha a acontecer comigo aqui ou no Brasil”, disse Bolsonaro.

Ainda durante sua fala, ele deixou claro que sua vontade é colaborar com a direita brasileira. “No momento não temos uma liderança da direita nacional. Temos regional. Esse pessoal vai crescendo. Nós vamos nos fortalecer. Nós voltaremos. A nossa vocação é ser mais que extensão, na verdade, uma grande nação. Olha o que Israel não tem, e veja o que eles são. Olha o que nós temos, e o que nós não somos”, afirmou. Bolsonaro falou em “interesses” na crise humanitária vivida pelos Yanomamis. “Essa questão Yanomami agora. A intenção não é atender a esses. Porque ali tá misturado, 40% da terra Yanomami está no Brasil e 60% está na Venezuela. Se não tivesse riqueza lá, não teria sido demarcado como terra indígena. Os interesses são muitos. Não há interesse em ajudar a população”, disse o político. Ele aproveitou e alfinetou o atual governo do país. “Compare os meus ministros com os atuais ministros. Muitos não são ministros, são réus. A conta, todos vão pagar”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *